[ editar artigo]

A salada Kungfuísta

A salada Kungfuísta

     A saúde física e mental são aspectos muito importantes para a manutenção de uma vida saudável. Isso sempre foi uma das principais preocupações dos mestres de kung fu na China, pois estavam sempre a procura de regeneração depois de um combate. O kung fu é uma arte marcial chinesa bem completa; trabalha o âmbito físico, mental, a autodefesa e pode ser praticada por todas as faixas etárias.      

    Cabe apontar alguns benefícios da atividade no âmbito físico, como a melhoria no sistema cardiovascular, na coordenação motora, na respiração, ajuda no fortalecimento dos ossos, aumento da resistência e da força. Já na atividade mental, é possível citar: estímulo da atenção e concentração plena, desenvolvimento da inteligência emocional e melhora no raciocínio lógico.

     Além disso, tal prática possibilita a interação social e o desenvolvimento de bons valores - como a harmonia, a honra, o equilíbrio e o respeito. Dessa forma, há um aprimoramento dos relacionamentos interpessoais, da confiança, do autoconhecimento e da sociabilidade do praticante.

      Como exemplo da direta ligação da arte com a saúde, um dos maiores mestres de kung fu da história foi Huang Fei Hong (wong fei hung) que além de artista marcial também era médico. Com a abertura de sua escola de kung fu e sua clínica, também surgiu o seguinte ditado: ‘’Em cada grupo de dez kungfuístas, nove também seriam médicos’'. O que a salada e o kung fu possuem em comum? Ambos são uma mistura de elementos nutritivos, bons para saúde e sem contraindicações. Pratique e coma a vontade. 

Ler conteúdo completo
Indicados para você