[ editar artigo]

Kung Fu no dia-a-dia

Kung Fu no dia-a-dia

A vida é uma estrada que têm muitos caminhos pelos quais devemos escolher seguir. Mas será que temos o discernimento de escolher ou nos deixamos levar acomodados?

Cerca de 2000 a.C., durante a Dinastia Xia, surgem as Artes Marciais Chinesas, que se originaram a partir de uma necessidade de sobrevivência na luta dos antepassados contra inimigos, assim como quando aplicamos o Kung Fu em nosso dia-a-dia.

O Kung Fu não é somente um conjunto de técnicas de luta, mas sim proveniente de uma cultura milenar e filosofia de vida, também com práticas de meditação, concentração, respiração. Há pessoas o tempo todo lutando para controlar sua mente (Sim, isso é possível!).

De acordo com a Organização Mundial da Saúde, o Brasil tem o maior número de pessoas ansiosas no mundo; 9,3% da população convivem com o transtorno, o que equivale a 18,6 milhões de brasileiros.

Sempre fui muito muito ansiosa e impulsiva, eu mesma me sabotava. Depois que conheci o Kung Fu e pude ver o que ele faz na vida das pessoas, nunca deixei de praticar no meu dia-a-dia.

Consegui me concentrar melhor, ter um equilíbrio, buscar a harmonia da mente e do corpo, e ter o meu próprio controle físico e emocional, além de adquirir mais valores. Com isso, tudo começa a melhorar, seja no trabalho, relacionamentos, resolver situações difíceis e tudo o mais. Quando você tem o controle de si mesmo, você consegue dominar todos os seus problemas.

Eu diria que existem duas versões de mim: antes do Kung Fu e depois do Kung Fu. As práticas de Kung  Fu me transformaram numa pessoa melhor!

Ler matéria completa
Indicados para você