[ editar artigo]

Reflexão - mudanças positivas que o Kung Fu me trouxe.

Reflexão - mudanças positivas que o Kung Fu me trouxe.

       Tenho 19 anos e iniciei minhas práticas no Kung Fu há cerca de 3 anos e meio, mas meu interesse por práticas marciais e meditativas/espirituais, vinha desde a infância, portanto enxerguei nisso a possibilidade de uma grande realização. Assim como em qualquer área na qual se busca um alto nível, eu já tinha em mente a noção de que levaria um tempo considerável até que eu fosse capaz de colher benefícios dessas práticas para o dia a dia, mas sempre estive bem disposto a correr atrás disso. 

       Uma arte marcial tradicional oriental deve idealmente ser praticada em condições de foco e concentração, já que envolve conceitos com riqueza de detalhes e que requerem maturidade e consciência do praticante para serem ensinados. Com isso já pude reparar uma grande diferença de profundidade em relação a outros dois estilos que havia praticando alguns anos atrás, além disso, o fato do Kung Fu não se restringir ao momento da prática, mas se estender a todo o cotidiano.

       Posso afirmar com convicção que a prática do Kung Fu foi algo transformador na minha vida. Desde então minha maneira de enfrentar e interpretar dificuldades, resolver problemas e até mesmo me relacionar com pessoas foram positivamente influenciadas por uma melhora na autoconfiança, disciplina e condicionamento tanto físico quanto mental. É uma prática extremamente completa que eu recomendaria para qualquer um em qualquer momento da vida e de qualquer idade.

Ler conteúdo completo
Indicados para você